Organizações da Saúde publicam manifesto sobre vacinação contra pólio e sarampo

0

As Sociedades Brasileiras de Pediatria (SBP), Imunizações (SBIm) e Infectologia (SBI), em parceria com o Rotary Internacional e com o apoio do Programa Nacional de Imunizações (PNI) do Ministério da Saúde, publicaram na semana passada um manifesto em prol da vacinação contra a poliomielite e o sarampo. 

Segundo o documento, assinado pelo grupo no dia 26 de julho, o Brasil registrou o último caso de poliomielite em 1989 e em 1994 o continente americano recebeu a certificação da erradicação da doença. O texto destaca, entretanto, que “as baixas coberturas vacinais, registradas nos últimos anos em nosso país, podem colocar em risco todo o esforço de nosso Programa Nacional de Imunizações”. 

Extensos programas de vacinação também garantiram o controle do sarampo no Brasil e nas Américas, que foram consideradas regiões livres da circulação do vírus da doença em 2016. Mas o surto recente no país “evidencia nossas inadequadas coberturas vacinais e a urgente necessidade de melhoria dessas taxas”, alertam as entidades. 

O manifesto faz um apelo à população, à sociedade civil organizada e às/aos profissionais de saúde para se engajarem na Campanha Nacional de Vacinação contra a pólio e o sarampo, de 6 a 31 de agosto. O entendimento da SBP, SBIm, SBI, do Rotary e PNI é de que “a imunização continua sendo a melhor ferramenta na promoção e manutenção da saúde de nossa população”. 

Leia matéria publicada no site da SBIm em sbim.org.br/noticias. O manifesto está disponível em PDF pelo link sbim.org.br/images/files/manifesto-polio-sbp-sbi-sbim-rotary-pni.pdf.  

FONTE: Sociedade Brasileira de Imunizações (SBIm). Foto: SBIm/sbim.org.br.

Share.

About Author

Leave A Reply

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Clique nas capas abaixo para acessar o conteúdo digital das edições: