Dia do Idoso: Data destaca os direitos da terceira idade

0

Celebrado mundialmente neste 1º de outubro, momento visa chamar a atenção da sociedade para as pessoas com mais de 60 anos, evidenciando os direitos e o respeito a elas.
Destacar os direitos e a importância de proteger as pessoas com mais de 60 anos é um dos objetivos do Dia do Idoso, celebrado nesta segunda-feira, 1°, em todo o mundo. A data chama a atenção para a necessidade de reavaliar as atitudes com as pessoas da terceira idade, assim como evidenciar a necessidade de criar políticas públicas em prol delas.
O dia ainda celebra uma conquista fundamental, que representou um grande avanço em relação às vítimas de maus-tratos e abusos: o Estatuto do Idoso, criado há exatos 15 anos. “Ele assegura a proteção integral aos direitos dos idosos. Dentre os muitos direitos está o direito à habitação, à alimentação, à cultura, a conviver em sociedade e a viver em comunidade. Outro muito importante é a conviver com a família, que, muitas vezes não é respeitado, pois os filhos os colocam em casas de longa permanência, que conhecemos como asilos”, ressalta a presidente do Conselho Municipal de Direitos do Idoso de Criciúma, Angela Maria Silva.
Segundo ela, o Conselho ainda recebe muitas denúncias de violência no município. Grande parte não se restringe apenas à agressão verbal, mas física também. “Essas agressões são de quem mais devia protegê-los, que são os filhos, os netos, dentro da família”, acrescenta Angela.
Composto por 18 membros, o Conselho Municipal do Idoso atua diretamente na defesa dessas pessoas, desempenhando um papel importante na sociedade. “Um dos focos que nós temos é a verificação das casas de longa permanência, identificando se elas estão em conformidade com a lei”, pontua a presidente.
O conselho também avalia projetos das entidades, verificando se estão em conformidade com os fins da instituição e, se sim, lança editais de chamamento para captar recursos junto às empresas.

fonte: https://dnsul.com/

Share.

About Author

Leave A Reply

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Clique nas capas abaixo para acessar o conteúdo digital das edições: